São Paulo, 16 de Dezembro de 2017
Webmail  | 

São Paulo

Menu Principal
Home
Agenda
Locais Visitados
Blog
Artigos
Imprensa
Vídeos
Fotos
Voluntários
Colunistas
Testemunhos
Newsletter
Nome:
E-mail:


História

Um sonho: Levar amor a pessoas carentes desse sentimento.
Uma ideia: Levar esse amor de forma lúdica e criativa.
Um ideal: Encontrar pessoas que compartilhem desse sonho e conseguir alcançar cada vez mais corações.

Assim nasceu o Projeto Sorrir em 2008!

Renan Espíndola de Oliveira tinha o sonho, a ideia e a força para ir atrás do ideal. Encontrou em Thiago Chapine a esperança de juntos conseguirem levar o amor para pessoas que não tinham tantas oportunidades ou estavam desacreditadas desse sentimento.

Com brincadeiras, gincanas e muita alegria, juntos, os dois amigos foram despertados pelo amor em ajudar ao próximo. E assim reunindo forças surge em 2008 o Sorrir – Sorrindo Pela Graça. Logo em seu primeiro ano, o projeto conseguiu crescer e a cada nova reunião ou visita a certeza de que estavam no caminho certo. Somente no ano de 2008 foram 20 locais visitados entre asilos, hospitais, comunidades e creches - e cerca de 1700 pessoas atendidas.

Em 2009 o projeto ganhou mais voluntários interessados em compartilhar o amor e a graça. Com um novo site e novo slogan, o Projeto Sorrir, agora Unidos Pela Graça organizou um grupo de e-mail com 500 pessoas envolvidas com serviço voluntário, a fim de servir mais pessoas e juntos fazerem a diferença.

Através de dança, fantoche, teatro, recreação, mágica, pintura de rosto, escultura de balões e às vezes um simples olhar e tempo para ouvir e conversar, o projeto se propagou indo além da região da grande São Paulo, chegando ao interior e litoral de São Paulo, e a outros estados como Minas Gerais e Aracajú.

Em 2010 mais uma amiga resolveu encarar o desafio, a Renata Silva, e começou a estruturar o Projeto Sorrir na cidade de Juiz de Fora / MG. Hoje contamos com 21 voluntários na cidade e apoio de instituições, empresas e profissionais liberais.

Para auxiliar na formação pessoal dos voluntários, foram oferecidos workshops e realizadas reuniões entre todos os que estavam ligados ao projeto, para confraternização e alinhamento do trabalho realizado por eles.

Durante esses anos foram visitados centros de atendimento a pessoas com câncer, casas de recuperação a portadores de HIV, orfanatos, atendimentos a deficientes visuais, comunidades, hospitais e tantos outros lugares especiais, sempre levando amor de Deus e sua Graça de forma lúdica a pessoas que muitas vezes só precisam de um sorriso.

E assim o sonho que antes era de um passou a ser compartilhado por muitos, na esperança que um dia possa alcançar a todos.



© 2017 - Todos os direitos reservados.